You are currently viewing RH que não entende as mudanças do mundo fica para trás

RH que não entende as mudanças do mundo fica para trás


Curso Gestão de Pessoas de A a Z promove aprendizagem sobre o  tema


Um mundo em constantes mudanças não é novidade, mas a velocidade das transformações sim. Ter consciência do cenário e adaptar-se para promover soluções práticas, uteis as organizações, fará do profissional de Administração uma referência nesse novo tempo. A colocação é da Adm.  Andreia Bolzan, instrutora do novo módulo do curso Gestão de Pessoas de A a Z, oferecido pelo Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES).

Com MBA em Gestão de Negócios e também atuando como diretora executiva da Associação Brasileira de Recursos Humanos do Espírito Santo (ABRH-ES), Andreia destacou que o mundo como o conhecemos, e é chamado de mecânico por valorizar a reprodução sistemática, diante das demandas do tempo atual desafia os profissionais. Por isso, saber equilibrar as respostas necessárias com o momento para romper é importante.

Antes tudo era previsível e padronizado. Hoje não mais. É necessário que percebamos que o mundo mecânico, na sua repetição de formato, pode roubar a potencialidade do colaborador de entregar resultados. A nossa reflexão deveria ser sobre o que melhor se ajusta ao contexto”, pontuou ela.

O conceito apresentado pela instrutora estreou a aprendizagem proposta para o módulo Treinamento & Desenvolvimento (T&D). Segundo ela, cabe ao profissional da Administração da área promover as ferramentas para que as pessoas tenham as devidas condições, para o desempenho de suas tarefas com qualidade nas relações, conforme os objetivos que a organização quer alcançar.

Sobre o curso

O curso Gestão de Pessoas de A a Z é pioneiro. Foi desenvolvido pela Câmara Temática de RH, um projeto coordenado pelo Instituto de Administração do Espírito Santo (IAES) e oferecido pelo Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES). Em breve, uma nova turma será. As informações e pedidos de inscrição podem ser feitas pelo e-mail iaes@craes.org.br ou no telefone (27) 2121-0525.

Deixe um comentário