You are currently viewing Soft Skills – Comunicação é chave para o êxito

Soft Skills – Comunicação é chave para o êxito

Além de favorecer crescimento profissional, quesito abre portas para novas conquistas

A comunicação tem sido considerada uma das Soft Skills mais procuradas pelo mercado de trabalho nos últimos anos. Por meio dela são passadas as instruções sobre as tarefas a serem executadas, os relatórios laborais, as apresentações em reuniões de negócios, as trocas de e-mails e todo o fluxo de ações que envolvam mais de uma pessoa.

Em 2018, a revista Você S/A considerou o quesito como a principal Soft Skill “a despertar o interesse do mercado por um profissional”. Durante uma entrevista de emprego, é por meio dela que o candidato “vende seu peixe”, ou seja, quando ele passa suas informações de forma objetiva e sucinta.

Outro fenômeno que elevou a importância da comunicação no Brasil é o déficit educacional de parte dos brasileiros no quesito comunicação escrita. Não raro, erros de ortografia, concordância e lógica prejudicam o entendimento em comunicações escritas e até mesmo em exposições orais.

Escrever corretamente ajuda a organizar os pensamentos, além de transmitir credibilidade e evitar a perda de tempo. Quem nunca tentou dizer algo simples, mas se enrolou e falou algo de forma confusa ou até mesmo incompleta?

O site talentos.com.br fez uma lista de quesitos que ajudam a obter uma comunicação efetiva. O primeiro deles é simplificar a informação, com linguagem simples e direta.

A segunda dica é prestar atenção ao que o interlocutor diz. Isso evita vícios como tentar adivinhar o que o outro vai dizer, tirar conclusões precipitadas e não escutar detalhes importantes que passaram despercebidos por falta de concentração.

O terceiro quesito é certificar-se de que está sendo compreendido. Caso a pessoa não tenha experiência em comunicação oral ou escrita, um exercício recomendável é organizar as informações: primeiro por escrito, e somente depois transmitir os itens oralmente, um de cada vez.

O quarto quesito é manter o contato visual durante a fala, e o quinto é observar a linguagem corporal de seu interlocutor. Juntos, os dois itens ajudam a: 1) melhorar a condução da conversa e mudar de assunto, caso seja necessário e 2) observar se a outra pessoa deseja falar ou pontuar algo.

Do ponto de vista do ouvinte, checar o que foi dito por meio de checklist — que resume o que foi dito — ajuda a fixar a informação. Além disso, se algo estiver fora da lista ou for mal compreendido, o interlocutor repetirá o que falta e explicará o item em questão.

Ter boa comunicação é preciso — pratique a sua!


FONTE:  Leon Santos, Assessoria de Comunicação CFA

Conteúdo extraído da edição 146Revista Brasileira de Administração (RBA), uma publicação do CFA.